Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

31 março, 2015

Pra ser normal...

Hoje foi dia de consulta com a minha Super... 

A vitamina D baixou um pouco, mas nada alarmante. 
Alguns quilinhos foram perdidos nos embalos das fanfarras do Carnaval, por isso um pedido discreto para tentar recuperar pelo menos parte deles.
A glicada reduziu mais!! Mas tenho que continuar na busca por um resultado ainda melhor.
Levei um puxão de orelha de leve pelo mesmo motivo de sempre: preciso fazer exercício! 

No mais, tudo em ordem na bandeirada dos 6 anos pós diagnóstico!!

Sem contar o apoio incondicional das minhas pessoas todo dia e toda hora, tenho certeza que a decisão por levar o diabetes como mais uma coisa que preciso dar conta - e não como um peso que determinaria o que seria da minha vida - contribui bastante para que o tratamento e meu docinho sigam muito bem, obrigada!

E isso acaba fazendo com que os cuidados diários aconteçam de maneira simples, corriqueira. Muitas pessoas já comentaram comigo que acham muito legal como levo tudo "numa boa".

Semana passada, na Oficina de Criação Literária que estou fazendo, tínhamos que escrever um micro conto... Apostei na doçura como tema e fiquei bem feliz com o retorno que tive de toda a turma! Além de boa avaliação técnica, classificaram o texto como afetivo, destacaram a leveza na abordagem do assunto (muitas vezes tão temido) e - de novo - a simplicidade como as ações praticamente obrigatórias são realizadas. 

Por causa disso, acabei decidindo compartilhar o meu Conto aqui, para que cada vez mais as pessoas deixem o estigma de lado e passem a entender e considerar o diabetes como uma condição específica que pode ser controlada e, assim, não se transformar em obstáculo.

Como comentei antes, isso tem que ser normal, não pode ser um problema.

E que fique claro: no Conto, a urgência em fazer tudo antes de entrar no lugar combinado não é por medo de um julgamento qualquer, é só para ganhar tempo e aproveitar cada minuto do encontro!

Embora o DM não tenha sido opção, a gente tem a opção de se cuidar e seguir em frente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário