Doces bárbaros...

O adoçante sempre foi um produto discriminado!
Já foi responsabilizado como causador de doenças graves, não deve ser usado por mulheres grávidas e até hoje traz dúvidas e más impressões.

Eu mesma não gosto. 
Acho que o sabor de sucos e café, por exemplo, se altera.
Já usei vários - gostei mais de uns do que de outros -, tenho preconceito com o aspartame sim, prefiro os que são à base de sucralose...

Enfim, por hábito (e opção) raramente uso.

Esta semana cheguei a uma matéria publicada no site 'Vivo mais Saudável', que apresenta a composição básica de alguns e ajuda a entender a diferença entre eles.
Não é palavra final, não é a maior ciência sobre a questão e tampouco deve ser base para qualquer ajuste / acerto de padrões alimentares (isso só mesmo com o acompanhamento médico).
Mas deixa uma visão mais clara e funciona como ponto de partida para, pelo menos, avaliarmos o que o mercado nos oferece.





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Febre amarela: a gente - doce - pode se vacinar?

Do tipo que se importa...

Pesquisa e Educação em Diabetes...