Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

03 abril, 2013

Dois pesos, duas medidas.


"Olha que bebê fofo, tão gordinho! Tão bonitinha de bochechão."

Isso é super comum.
A maioria das pessoas acha graça numa criança 'fofinha'.
Mas o fato é que cada vez mais cedo crianças tem se tornado obesas e com isso desencadeado diabetes e alguns outros problemas sérios: 




"Pela primeira vez na história da raça humana, crianças apresentam sintomas de doenças de adultos. Problemas de coração, respiração, depressão e diabetes tipo 2."

Assim é apresentado o documentário Muito Além do Peso.





A situação é mais séria do que se pensa: crianças que não conseguem identificar uma batata! 
Se ainda fosse um legume ou uma fruta menos usual... mas batata!?

Choca!!

O download do filme na íntegra pode ser feito diretamente para o computador gratuitamente, da página do documentário.

E o trailer está disponível para assistir online.

Vale assistir também as entrevistas e depoimentos dos especialistas que participaram do documentário.
As estórias são alarmantes! 

Passado o susto, fica a necessidade urgente da mudança, seja na dedicação dos governantes do país, no sentido de prover acesso à educação, saúde e condições mínimas de higiene, até de quem orienta diretamente a criança, que é bombardeada com imagens e informações sobre alimentos calóricos, com excesso de sal, de açúcar, de gordura, mas que passam uma imagem de alegria. Além dos brindes, que são chamarizes para refeições nada saudáveis.

Escolas, creches, pais e responsáveis, adolescentes... todo mundo deve assistir.
E tudo deve ser repensado!


Nenhum comentário:

Postar um comentário