Para manter os nossos direitos...

A luta pelos direitos garantidos pela constituição parece não ter fim...
Quando a gente dá um passo à frente, as próprias autoridades 'competentes' fazem com a gente tenha que voltar três casas no jogo.

Uma das maiores conquistas recentes para as pessoas com diabetes no Brasil foi a inclusão dos análogos de insulina de ação prolongada no SUS, através dos Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas. 
Houve uma Consulta Pública em 2019 (mais detalhes aqui) que aprovou a incorporação deste tipo de insulina aos tratamentos disponibilizados pelo SUS.

Este foi um avanço muito comemorado por todo mundo que tem diabetes, que cuida de alguém com diabetes, que ama alguém com diabetes!

O maior benefício dos análogos de insulina de ação prolongada (Levemir, Tresiba, Lantus) é, sem dúvida, a estabilidade glicêmica que eles promovem.
Isso significa mais segurança, menos riscos de desenvolver complicações e maior eficiência do tratamento.

O dado mais relevante da pesquisa realizada pela CONITEC (órgão responsável pelo processo de incorporação destes medicamentos no SUS) é com este tipo de insulina a pessoa com diabetes reduz em 32% os episódios de hipoglicemias. 

Uma hipoglicemia pode ser branda, mas pode até levar à óbito.
O alerta é constante!

E agora, por causa de um mau planejamento do ministério da saúde, corremos o risco da desincorporação dessas insulinas. 
E sabem por que? 
Conforme apurado pela Coalizão Vozes do Advocacy, é porque o Ministério da Saúde indicou como preço base o mesmo das insulinas NPH, que de fato são mais baratas. 

O que eles esqueceram de colocar nesta conta é o custo-efetividade. 
Com uma insulina que ajuda a promover uma maior qualidade de vida e uma estabilidade no controle do diabetes, os custos futuros de internações e eventuais necessidades de tratamento de complicações certamente vai diminuir 

Por isso tudo, mais uma vez precisamos daquela força tarefa para responde - de novo! - à Consulta Pública sobre a inclusão dos análogos de insulina de ação prolongada no SUS.

- Como podemos fazer isso?


É preciso acessar o site Governo Federal (nesse link), colocar seu login e senha (o cadastro é simples, basta inserir seu CPF e criar uma senha) e responder às questões que estão lá explicando, principalmente, que são à favor da incorporação pelos benefícios que trazem à vida das pessoas com diabetes. 
- - Atenção: a Consulta está aberta até o dia 3 de outubro. - - 

Eu uso este tipo de insulina há mais de 10 anos e só comprovo os benefícios. 
Não tenho picos de glicemia, minhas hipoglicemias se reduziram absurdamente ao longo do dia, sem dúvida, me sinto muito mais segura para sair por aí desbravando o mundo todos os dias.

Não podemos perder um grande direito conquistado.
Isso é uma afronta à saúde pública. 

A luta é grande e incessante. 
Mas acredito no potencial de união dessa gente doce. 
Vamos em frente!

Comentários

Postagens mais visitadas