Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2017

A insulina biossimilar...

Imagem
'Bio' o que??

De acordo com o estabelecido e definido pela ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária, "biossimilares são os produtos biológicos registrados pela via de desenvolvimento por compatibilidade, que é a via regulatória utilizada por um produto biológico para obtenção de registro na qual foi utilizado o exercício de compatibilidade em termos de qualidade, eficácia e segurança, entre o produto desenvolvido para ser comparável e o produto biológico comparador".

Hein?
Em termos práticos, isso significa que são medicamentos similares aos já existentes no mercado (os sintéticos), comparáveis a estes, mas que tiveram sua patente expirada. A partir daí, outros laboratórios podem desenvolver os similares.

Mais...
Os biossimilares são produzidos a partir de células vivas de plantas, microorganismos, etc. e "são recomendados para o tratamento de doenças complexas, como câncer, doenças autoimunes, doenças inflamatórias", entre outras.
Se usados por v…

A palavra com 'D'...

Imagem
Existe uma discussão nesse mundo da doçura que vai bem além do tipo de tratamento ou de insulina a ser usada.

A questão em foco, neste caso, é como tratar quem tem diabetes:
Diabético ou pessoa com diabetes?

Eu confesso não ter qualquer problema em ser chamada de diabética.
Mas em discussões que já presenciei vejo que o argumento maior para que seja evitado o termo é que, usando a tal palavra com 'D', o que parece é que o diabetes é a única coisa que define aquela pessoa:
"Fulano é diabético".
Quando, na verdade, fulano é ciclista, matemático, cantor, advogado ou qualquer que sejam as outras coisas que fazem parte do seu dia a dia.

Ouvi, certa vez, que segundo a IDF, 40% das pessoas se sentem incomodadas em ser chamados de 'diabéticos'.
Em tese, isso deixa 60%, então, no montante de pessoas que não liga...
Mas respeito é bom e não faz mal nenhum evitar quando se sabe que não agrada, certo?

O que ocorre é que há um outro lado da moeda que precisa ser avaliado.

Em Diabetes, de igual para igual!

Imagem
O que se tem hoje ainda é uma visão engessada de como o diabetes acabava com uma vida que era, até aquele ponto, normal. Cheia de 'não pode'...
Mas a verdade é que isso mudou.
Seja pelos avanços em tratamentos, pela tecnologia aplicada à saúde, pelas redes que ajudam a informação a circular por aí.

Hoje a gente não precisa abrir mão do que mais gosta de fazer.
O 'pode' substitui o 'não pode'. A única coisa que não muda é que o tratamento precisa ser seguido. Essa á a nossa maior arma para garantir que as complicações não cheguem.

- E a vida normal, então?
Normal é a gente que faz.
Normal sou eu que decido o que é.
Meu normal tem insulina e glicosímetro e sensor e tirinhas e contagem e fibras e carboidratos. E isso não me atrapalha. Não mesmo.

Aprendi que o diabetes tipo 1 e o diabetes tipo 2 são diferentes.
Aprendi que 12 horas de jejum pode ser um caos e não me deixar dormir.
Aprendi que mesmo que a gente faça tudo direitinho, alguma coisa pode fazer a doçura …

Guia - de doçura - para principiantes!

Imagem
Uma publicação que foi revisada antes da edição final por mais de 50 pessoas, todas elas com um ponto em comum: o diagnóstico do diabetes.

Essa foi a estratégia do Adam Brown, autor do livro 'Bright Spots and Landmines - The Diabetes Guide I Wish Someone Had Handed Me.
Ele tirou da sua própria vivência, dos seus erros e acertos convivendo com a condição, pontos e informações que julga importantes e que gostaria que tivessem falado para ele quando descobriu a doçura. Entre dicas e um 'campo minado' de coisas que podem se transformar em um problema no caminho do bom controle, criou esse Guia.

Os princípios dele são objetivos:
1. Identifique que hábitos você tem e que ajudam a alcançar um melhor controle e foque em colocá-los em prática com mais freqüência.

2. Fique atento à escolhas do dia a dia que interferem e levam à uma descompensação da glicemia; busque meios para tentar mudar e adequar as opções e a rotina.

O livro é em inglês e é possível garantir uma cópia digital gr…

Pra celebrar a superação!

Imagem
Quando a gente escuta sobre o diabetes logo vem aquela visão engessada e restritiva. Natural até, se a gente considerar que até poucos anos nem o glicosímetro existia.

Desse tempo para cá chegaram diferentes tipos de insulinas, as canetas e agulhas bem pequenas, que deixam a aplicação mais prática e menos doloridas, a bomba de infusão...
A tecnologia avança, os tratamentos evoluem e a nossa saúde agradece!

Hoje, vemos muitas pessoas com diabetes indo além do que já foi até mesmo possível de imaginar.
Nadador, jogador de futebol, o que gosta de surfe ou de mergulho, o que escala as maiores montanhas, a que toca tamborim pelos carnavais. Sim, hoje é possível viver bem sem abrir mão do que a gente gosta.

E com o intuito de fortalecer essa corrente, a Medtronic vai levar corredores ;para participar de uma competição muito bacana. Olha aí:

"A Medtronic está em busca de corredores em todo o mundo para compor o time Global Champions 2017, com inscrições abertas até 12 de Maio de 2017. O …