"para alcançar, ensinar e curar"


No primeiro post da DBlogWeek falei sobre o Educador em Diabetes.
O quanto eu considero o trabalho feito por eles...

Fui saber sobre o papel do Educador no Congresso, porque por aqui nunca ouvi falar sobre qualquer trabalho realizado por estes Educadores - nem durante as campanhas do Dia Mundial do Diabetes há divulgação, o que é uma pena.

Se eu disser que não passou pela minha cabeça ser Educadora, seria uma mentira das bem grandes!

O fato é que para atuar como tal, é preciso ter formação em um curso superior na área de saúde e atuação prévia especificamente em diabetes, sem esquecer do Curso de Formação, que é certificado pela International Diabetes Federation (IDF).

 Numa busca por informações sobre o curso / qualificação de Educador em Diabetes, encontrei uma publicação antiga (de 2007) na qual se discutiam os critérios para formação do Educador. Entre eles se colocava a possibilidade do educador ser paciente de DM.
Mas, pelo visto, não passou...
Cheguei a questionar algumas instituições brasileiras que são autorizadas a formar educadores, se houve alguma evolução a este respeito, mas a posição que se mantém é de que apenas profissionais da área de saúde podem se inscrever.
Então, enquanto não consigo, me aproveito do que tenho ao alcance:
Um livro, gratuito, com orientacoes para os 'Educadores':
 Stories To Reach, Teach and Heal: A Guide for Diabetes Health Educators
(Junto com o livro, um CD com as histórias que serviram de base.)
É um guia para Educadores em Diabetes que parte de histórias reais, dividindo sabedorias e visando inspirar outras pessoas a desenvolverem sua própria maneira de lidar com o diabetes e se cuidar.

A publicação é do CDC - Centers for Disease, Control and Prevention (Centro para o Controle e Prevenção de Doenças), que tem como missão 'salvar vidas, proteger as pessoas e economizar recursos através da prevenção'.
 Como o livro é de graça, não há possibilidade de envio para o Brasil.
Mas, como tenho uma amiga indo para os Estados Unidos daqui a alguns meses, já pedi este grande favor e vou mandar entregar no hotel dela!
Agora é só esperar!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Febre amarela: a gente - doce - pode se vacinar?

De um dia azul...

Pelos caminhos da vida doce...