Cadê a insulina que estava aqui??

Cadê a insulina que estava aqui?


Há umas três semanas vinha procurado pela insulina Fiasp nas farmácias - online e físicas - e não consigo encontrar.

Uso os refis para caneta e não acho em lugar nenhum. Ainda tinha dois em casa quando comecei a busca, não espero terminar para comprar e repor. Mas comecei a ficar ansiosa com a falta constante...

Consegui esta semana uma caneta descartável na Drogaria Pacheco e comprei para garantir. De qualquer forma, resolvi ligar para o laboratório, porque recebi retorno das farmácias dizendo que a Novo Nordisk não estava entregando. 

Fui super bem atendida e, para minha surpresa, eles não tinham qualquer registro de distribuição irregular ou falta do produto para distribuição.
Enfim, vão verificar o que está acontecendo aqui pelo Rio e, enquanto isso, me indicaram algumas farmácias / distribuidoras que fazem a venda direto à pacientes:

- 4 Bio {site ou pelos telefones 3579-2999 e 3508-2900, para São Paulo, ou 0800-882-4030 para as demais localidades}

- Clamed (que é representada pelas farmácias Farmagora, Drogaria Catarinense e Farmácia Preço Popular) {site ou pelo telefone 11 3360-6807}

- SAR Medicamentos Especiais {site ou pelo 0800-778-1888}

Entrei em contato com todas elas e somente na SAR consegui os refis (nas demais, só tinha a caneta descartável, a flextouch).

Garanti logo duas caixas para aplacar o medo de ficar sem! 
Em um dia, depois de processado o pagamento, recebi minhas Fiasps com cuidado, em embalagem térmica e na temperatura adequada para o transporte. 

Planejamento é importantíssimo para quem tem diabetes - ou qualquer outra doença crônica - e não pode ficar sem seus medicamentos. Costumo manter sempre a minha listinha de insumos e datas x duração de cada um no radar, justamente para ter uma 'folga' se um imprevisto como esses acontecer. 

E, fica a dica!, pesquisem em todas as farmácias possíveis os preços dos seus insumos a cada compra. Infelizmente a variação de preços tem sido muito grande e é preciso aproveitar as promoções, programas de fidelização e descontos de laboratório. A economia pode ser grande e fazer diferença no gasto mensal. 

Mesmo as compras de farmácias localizadas em outros estados e com um frete um pouco mais alto podem sair mais em conta, considerando os preços menores dos produtos. 
(Ah, e mais uma dica: eu, que amo viajar, compro sempre meus insumos no cartão de crédito. "Diabetes vira milha"... gasto e transformo insulinas, tiras teste, sensores e afins em pontos para, quem sabe, trocar por passagens aéreas ou reservas de hotel.)

Sempre atenta! Na glicemia e nas contas!! 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Quando falta educação, sobra preconceito!

Fiasp: a insulina turbinada!

Hipo sem crise!