Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

31 dezembro, 2017

Para o ano que vai chegar...

Eu não sou igual a você.
Você não é igual a mim. 
Cada um é de um jeito, isso é simples assim. 

E é assim também com a doçura...
Nem todo tipo 1 é igual.

Nem todo tipo 2 é igual.
Diabetes é condição séria, mas individual.

E individual também é o tratamento de cada um.



Cada um encara a convivência com a condição de uma maneira.
Cada um reage a um alimento de uma maneira.
Cada um recebe uma noticia - boa ou ruim - de uma forma específica.

E cada coisinha dessas interfere diretamente na glicemia de cada um.

Cada um enxerga o outro de um jeito diferente.

E também é diferente a meta de glicemia de cada um.


No dia a dia, só a gente sabe o que sente, o que enfrenta e o que pode buscar.
Só a gente sabe o que deve fazer e o que precisa alcançar.

Por isso, meu desejo para o próximo ano é que cada um celebre cada conquista.
Dê um passo de cada vez.
Busque a aceitação do seu diagnóstico. 
Acredite em você.
Acredite que é possível.

Feliz Ano Novo!
Feliz novas 365 oportunidades de fazer o seu melhor, dentro finque é viável é cabível para você.
Para cada um.
Porque cada um é de um jeito, isso é simples assim.


Nenhum comentário:

Postar um comentário