Para o ano que vai chegar...

Eu não sou igual a você.
Você não é igual a mim. 
Cada um é de um jeito, isso é simples assim. 

E é assim também com a doçura...
Nem todo tipo 1 é igual.

Nem todo tipo 2 é igual.
Diabetes é condição séria, mas individual.

E individual também é o tratamento de cada um.



Cada um encara a convivência com a condição de uma maneira.
Cada um reage a um alimento de uma maneira.
Cada um recebe uma noticia - boa ou ruim - de uma forma específica.

E cada coisinha dessas interfere diretamente na glicemia de cada um.

Cada um enxerga o outro de um jeito diferente.

E também é diferente a meta de glicemia de cada um.


No dia a dia, só a gente sabe o que sente, o que enfrenta e o que pode buscar.
Só a gente sabe o que deve fazer e o que precisa alcançar.

Por isso, meu desejo para o próximo ano é que cada um celebre cada conquista.
Dê um passo de cada vez.
Busque a aceitação do seu diagnóstico. 
Acredite em você.
Acredite que é possível.

Feliz Ano Novo!
Feliz novas 365 oportunidades de fazer o seu melhor, dentro finque é viável é cabível para você.
Para cada um.
Porque cada um é de um jeito, isso é simples assim.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Febre amarela: a gente - doce - pode se vacinar?

Pesquisa e Educação em Diabetes...

OneTouch Reveal: 1, 2, 3... testando!