Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

30 julho, 2016

'Ô balança, coqueiro...'

Já venho ouvindo falar sobre o açúcar de coco há um tempinho. Comecei a ir atrás de mais informações e provei recentemente, numa canjica feita por uma amiga querida.

Eu adorei! O sabor é levinho, não interfere no gosto do prato que foi preparado e minha glicemia não alterou em nadinha.
Claro que com a insulina de correção, isso é gerenciável. Só que um alimento novo sempre deixa um espacinho pra dúvida. Não foi diferente dessa vez, mas deu tudo certo.

A grande questão está no baixo índice glicêmico deste açúcar. Dá uma olhada nas informações nutricionais e na comparação com o IG dos outros tipos de açúcar mais utilizados:
Mas, afinal, o que é esse tal?
Esse açúcar é 100% natural, "extraído da seiva da flor do coqueiro". 

Ele não passa pelo processo de refinamento e por isso conserva os nutrientes. 

Pois eu, que sou fã incondicional desta fruta e tudo que vem dela, agora tenho mais um motivo para amar. Não sou de usar açúcar ou adoçante... Café, chá e sucos eu bebo puro mesmo. Mas a partir de agora essa vai ser a minha escolha quando quiser um toque mais docinho nas coisas simples dos dias!



Nenhum comentário:

Postar um comentário