A saga da balança...

Esse negócio de peso é chato, viu!

Quando fui diagnosticada estava com 49kg. Muito baixo considerando que tenho 1,65m de altura. Na época, meu tratamento era com a NPH e em menos de um mês engordei 6kg!

Até chegar num equilíbrio glicemias x insulina x quilos a mais x quilos a menos, foi um tempo.

Agora, com a Levemir, as glicemias andam bem boas e bem controladas.

Ou andavam. Esse ano o tal do peso deu defeito de novo e aí...

Há pouco mais de um mês, tive consulta com a minha super Endócrino e uma surpresa: tinha perdido mais peso ainda do que o saldo pós carnaval. A viagem para o sossego depois da folia certamente era o grande fator causador, por conta das caminhadas sem fim pelo paraíso.
Saí do consultório com uma ordem: 1,5kg a mais, em 30 dias.

Na última semana voltei para nova consulta: somente mínimos 50g na conta! Uma chamada de atenção grande e uma nova meta estabelecida: 2kg em 60 dias.
Para ajudar neste processo, além do glucerna - agora acompanhado pelo leite integral em substituição ao desnatado, um ajuste na quantidade de carboidratos das refeições e um outro suplemento após o pilates (ForteFit). Atenção ainda maior nas glicemias para ver como iriam se comportar com todos esses ajustes.

Hoje, quase uma semana funcionando com a dieta revisada, um sinal de que as coisas estavam saindo do eixo. A glicemia após o pilates (e 2 horas após o jejum) estava ótima: 103 mg/dL. Tomei o suplemento e medi duas horas depois: 231 mg/dL! Correções feitas, endócrino devidamente comunicada e um monitoramento intenso durante toda a tarde.

Menos de duas horas e doçura no limite de uma hipoglicemia!

Com estas variações, a irritação já estava rondando... E aí, na hora de compensar a hipo, um certo exagero consciente. Duas horas depois, resultado?? 231 mg/dL!!

Que dia estranho (chato).

Enfim, proposta de fazer mais um dia de teste com o suplemento e se as glicemias permanecerem esquisitas, mudamos o esquema.

Alguns dias de espera (próxima aula de pilates só daqui a 4 dias) e a expectativa pelo bom comportamento do docinho.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Febre amarela: a gente - doce - pode se vacinar?

De um dia azul...

Do tipo que se importa...