Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

04 fevereiro, 2016

"...pra ver a banda passar..."

Ando meio sumida daqui, mas está tudo em ordem.

Novos exames feitos, bottons postados para alguns cantinhos desse país esta semana, inscrição para prova de Pós em Educacão em Diabetes, tamborim afinado e tules e purpurinas em ordem para a folia que vem chegando - quer dizer, já chegou!

No último domingo foi dia de me jogar de corpo e alma no meu Fogo e Paixão. O sol estava a mil, castigando... Parecia que toda a água que a gente bebia e usava pra refrescar o corpo não era suficiente.
E como fazer essa conta de sol + 4 horas tocando + insulina + glicemia sob controle fechar?!

O dia começou com um sustinho: duas horas antes da hora prevista para pular da cama uma hipo severa: 38 no marcador!
Compensei e voltei a dormir. Quando medi de novo, 168 mg/dL. Não fiz qualquer correção e ainda reduzi a dose da basal de jejum, já contando com a quantidade de energia que ia gastar.
Café da manhã reforçado, figurino, instrumento e rua!

Mais umas horinhas e mais um reforço: meio sanduba de queijo, acompanhado de um copinho de suco de uva... Na hora do apito, um sachê de mel e meio copo de coca-cola.

Ri, dancei, me joguei. O tamborim ferveu, teve bolha na mão, nos pés, mas teve diversão e alegria. E no final, a fórmula deu certo e o resultado foi lindo: docinho em 126mg/dL!!

Quanto mais a gente se cuida e procura aprender e entender a influencia da alimentação, das atividades físicas e da insulina no nosso organismo, mais positivo vai ser o retorno.

Que venham então os dias - oficiais - de Carnaval!

Estou pronta e a postos, com apito, lanchinhos, brilhos e fantasias.

No mais, as dicas de todo ano: hidratação a todo tempo, pausa para almoçar, lanchinhos entre um bloco e outro (para garantir, sugiro levar na bolsa - podem ser barrinhas, castanhas, biscoitinhos...), tênis confortável para proteger os pés, fantasias leves e frescas e muita, mas muita diversão!


Nenhum comentário:

Postar um comentário