Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

10 dezembro, 2015

I n s p i r a .... r e s p i r a .... i n s p i r a ........


Ansiedade por notícias de quem não está 100%, um filme antes de dormir.
Última checada nas janelas e nas luzes da casinha. 
Boa noite!

Bom dia! 
Sai da cama, abre a porta do quarto, chega na sala. E descobre que a sala virou um aquário. Hein? 
Alagada.
É sério?! Era: vazamento num cano da coluna principal do prédio.
Chama o porteiro que chama o bombeiro hidráulico que liga pro síndico.
Fecha o registro.

Mais ou menos 1 hora depois, a percepção - num estalo - de que faltava alguma coisa: medir a glicemia, tomar insulina e café da amanhã.
Feito!

Quebradeira. 
Tudo seco.
Mais quebradeira.
Tudo seco.
E mais. Água!! Chegamos no foco.
Peraí, tem que ver o apartamento de cima.

Muito calor!
Opa, será?!? Glicemia foi a 45.
Corrige. Espera. Relaxa.
Oi?! Relaxa?
Próxima: espera de novo.

Quebra mais.
Quebra tudo que tem que quebrar.
Limpa tudo. 
E agora? 

Agora desaba!

Mais ou menos 1 hora depois, percebi que tinha dormido. Tinha apagado.
Corpo pesado. 

Levanta e sacode a poeira... Literalmente!!
Banho, glicemia: 170.
Jantar.


Isso nunca fez tanto sentido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário