Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

07 dezembro, 2015

Diabetes na pressão!

Falta de medicamentos e insumos é inadmissível em qualquer circunstancia. Mas quando se tratam de medicamentos e insumos necessários para manter uma doença crônica sob controle, esse falta pode ser fatal, me perdoem o jogo com as palavras!

Diabetes é um diagnóstico referente à não produção de um hormônio fundamental pelo organismo, para nossa sobrevivência. A medicina, anos atrás, resolveu este problema quando descobriu que poderia utilizar insulina injetável para recompor esta falha. E agora, o Estado, responsável por garantir a saúde de todos os cidadãos, não cumpre a sua parte.

Nem comento sobre a inclusão ou não dos análogos de insulina entre os medicamentos distribuídos aos pacientes - embora essa briga também esteja no ar.





O fato é que pacientes tem sido obrigados a se virar para garantir que não faltem tirinhas, insulinas, agulhas, lancetas...

Não bastasse a matemática diária para manter um bom controle glicêmico, agora precisam torcer para ter os insumos mínimos necessário.

Um absurdo que vem se repetindo aqui no Rio e em alguns outros estados do Brasil.







Por causa disso, a Sheila, da página Histórias de Uma Diabética, criou uma campanha no site Panela de Pressão, que vai direto ao ponto: você preenche seus dados (nome e e-mail) na página da Campanha (aqui) e uma mensagem é encaminhada diretamente para o Secretário de Saúde do Estado do RJ, Felipe Peixoto, e para o Secretário Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, Daniel Soranz.

Lá já tem um texto base para a mensagem - que pode ser alterado e/ou complementado:
"Prezados Secretários de Saúde do Estado e Município do Rio de Janeiro, 
O diabetes é uma doença silenciosa. As pessoas portadoras de diabetes tipo 1 e tipo 2 do Rio de Janeiro estão sofrendo com a falta de insumos para o tratamento desta doença que, em breve, se tornará uma epidemia. É preciso enfrentar esta situação de frente pois o problema só tende a aumentar. Negar insumos, postergar compra, não priorizar os doentes de uma doença crônica que cresce a cada ano é ignorar o direito garantido pela justiça e, o que é pior, ignorar o prejuízo que esta falta de insumos está fazendo na saúde de tantas crianças, jovens e adultos portadores de Diabetes tipo 1 e 2 em todo o Estado do Rio de Janeiro. Queremos a regularização no fornecimento dos insumos (insulinas, fitas, cateteres, cânulas, canetas, sensores e bombas de insulina) , queremos a obediência a uma decisão judicial, queremos dormir tranquilos sabendo que nosso tratamento está garantido pela justiça e é administrado responsavelmente pelos nossos governantes."

Eu já fiz a minha pressão! Não leva nem um minuto.
Participe e divulgue.
O problema é muito sério e precisa ser resolvido com urgência!



Nenhum comentário:

Postar um comentário