Mais um passo - e dos grandes!

A semana começa com a divulgação de uma notícia que foi um dos assuntos mais falados nos últimos dias: pesquisadores de Harvard conseguiram descobrir como fabricar células beta - as tais responsáveis pela produção de insulina - em grandes quantidades.

Isto significa que os transplantes de células beta seriam viáveis, com a 'fabricação' em larga escala a partir de células tronco embrionárias (eles falam em milhões!).

Este feito está sendo comparado à descoberta do antibiótico, tamanha importância para a ciência - e para cada um dos pacientes que convive com o diabetes.

Com o procedimento, o organismo voltaria a produzir o hormônio normalmente, dando fim às injeções diárias e até então necessárias.
A pesquisa começou há 23 anos pelo Professor Doug Melton, logo após o filho dele ser diagnosticado com DM1 quando ainda era um bebê.
Pelos resultados obtidos até aqui, já se fala em cura!

O próximo passo são os testes clínicos.

Depois de mais de duas décadas se mantendo firme por acreditar que era possível, agora a contagem é regressiva...
(na espera!!)

Que tenhamos muitos médicos, especialistas, professores e pacientes com esta mesma crença e este mesmo empenho.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Febre amarela: a gente - doce - pode se vacinar?

De um dia azul...

Uma dose de insulina, outra de confiança...