Sobre as insulinas análogas - uma mudança importante!!

 
Isso significa que todos os estados do país terão que, imediatamente, disponibilizar as insulinas análogas - já apresentadas aqui - gratuitamente pelo SUS para os pacientes de DM tipo 1! 
 
Porém....... (sempre tem um porém!): a ação determina que o acesso aos análogos de insulina de longa duração (Lantus e Levemir, por exemplo) sejam somente a pacientes que tenham um difícil controle ou um controle instável da glicemia (...). 
 
Complementando: "A juíza federal Maria Cláudia de Garcia Paula Allemand ressalta que “o benefício em foco não se destina a garantir a substituição indiscriminada das drogas atualmente usadas em todos os casos”, mas “dirige-se, exclusivamente, àqueles casos que não obtêm resultados satisfatórios com as insulinas regulares(...)".
 
Não há como negar: é um grande avanço!
Até então, este tipo de insulina nem era coberta pelos sistemas públicos de saúde.
 
Mas honestamente, numa situação de uma condição crônica onde seria possível dar ao paciente uma qualidade de vida melhor, com menos injeções ao dia, menor risco de hipoglicemias (que pode trazer graves consequências aos pacientes e nem sempre tem sintomas claros), me chateia saber que só será autorizado o uso das insulinas de longa duração nestes casos justificados, por mais que já tenha sido comprovado o efeito positivo sobre as demais.
 
Sinceramente?? Sou da opinião que o critério de exclusão levava (leva!) em conta unicamente o preço, porque ela é mais cara que as outras opções.
Mas uma coisa de cada vez... o primeiro (grande e importante) passo foi dado.
Que venham os próximos.
 
O que me anima é ver que a sociedade está cada vez mais mobilizada e buscando o que lhe é devido!!
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Febre amarela: a gente - doce - pode se vacinar?

Do tipo que se importa...

Pesquisa e Educação em Diabetes...