Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

21 junho, 2013

Pra ser cotidiano!


Terça-feira, 18/06/13: 
Despertador: 05:15h
Chegada ao aeroporto SDU no Rio: 06h

Check-in já feito, fui tomar café da manhã. A única opção era a lanchonetes Pátio, da 3 Corações (assim eu pensava, já que a loja é toda 'decorada' com esta marca). Como sempre faço, perguntei se eles tinham o capuccino diet e a resposta foi "não". Nadinha diet, só refrigerante.
Fiz meu pedido, comi, tomei meu café expresso (única opção que não vinha adoçada) e embarquei.

Terça-feira, 18/06/13: 
Conexão em Confins/BH para Porto Velho com atraso de 3h. 

Por volta de meio-dia fui até a Casa do Pão de Queijo, que é a única lanchonete que tem na sala de embarque, pedi um sanduíche e uma coca-cola zero (nada de mate por aqui...).
- "Senhora, não temos coca zero."
- Que outro refrigerante diet vocês tem?
- "Senhora, não temos nenhum refrigerante diet.
- Então vocês não tem nenhuma bebida sem açúcar, a não ser café? 
- "Nós temos suco de laranja natural".

E aí?? 
Nem sempre o suco é recomendado para quem tem diabetes... fora o fato de que eu nem gosto de suco de laranja!
Desisti, desembarquei para procurar outra opção de lugar para almoçar / lanchar e depois embarquei novamente, correndo, em cima da hora do voo.

Enviei e-mail para as duas empresas...

A 3 Corações me retornou por telefone perguntando se a reclamação era pela falta do produto em algum mercado específico. Expliquei novamente que era pelo fato de não entender porque em uma loja deles não estavam disponíveis todos os produtos e então fui informada que a loja não é deles, apenas vende o produto, mas mesmo assim usa a marca.

A Casa do Pão de Queijo me pediu informações sobre o local e o horário do 'ocorrido'. Até então não obtive retorno.

Sexta-feira, 21/06/13: 
Despertador: 05:25h
Chegada ao aeroporto de Porto Velho: 06:10h

Embarquei no horário, pousei em Cuiabá e enquanto esperava o voo de conexão fui tomar um cafézinho, já descrente de que teriam outras opções...
Quebrei a cara, ainda bem!! 

- Oi, vocês tem capuccino sem açúcar?
- "Sim".
(!)
Sem dar crédito ao atendente, complementei:
- Mas é o pózinho pronto ou vocês fazem aqui?
- "Fazemos aqui". 
- Mas e o chocolate, não tem açúcar?
- "Não tem não, senhora... a gente faz tudo sem açúcar porque tem gente que não pode".

Armei um baita sorriso e agradeci, feliz com esta mudança de consciência.
Que assim seja!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário