Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

01 março, 2013

Que flagra!



Essa foto, achada pelas páginas Facebook, é parte de um projeto de alunos de uma escola dos Estados Unidos.

Tentei buscar a fonte da pesquisa, a escola onde foi realizada o trabalho, mas não encontrei.

Também não consegui ver as quantidades de açúcar indicadas embaixo de cada produto. 
O fato é que assusta só de olhar!

As marcas não são exatamente as mesmas que temos no Brasil, mas os produtos são similares e pela imagem é possível termos uma ideia de quanto de açúcar tem em cada um. Mesmo no Nestea, que é um chá e poderia ser considerado uma bebida mais saudável, a quantidade surpreende.

Atrás de mais informações sobre isso, achei um vídeo do Programa Bem Estar onde é mostrada a equivalência de açúcar em refrigerantes: duas latas de refrigerante por dia, por exemplo, representam o consumo mensal aproximado de 5kg de açúcar! Imagina como deve ser a conta final se somarmos ainda o açúcar que contém nos alimentos...

Dá para repensar os hábitos, não dá?!

Um comentário:

  1. Achei esse mural fantástico!.Fiz um semelhante,só que com a quantidade de sal nos alimentos.É de assustar..

    ResponderExcluir