"... te pega daqui te pega de lá ..."

Adoro um buxixo, mas estou curtindo a calmaria depois de alguns meses de 'tudo ao mesmo tempo agora'.

Apesar de estar numa fase de mais demandas no trabalho, só o fato de estar focada em uma coisa de cada vez ajuda bastante.

Mas, no meio do sossego, ela vem chegando... a tal da TPM. 
Tensão pré-menstrual.
Monstro!

Tudo bem, nem tanto... 
Não tenho picos de ansiedade, nem irritação extrema... nada disso. Mas o que me consome nesses dias é a vontade de comer qualquer coisa a qualquer hora. De ter alguma coisinha na mão para "roer".

E isso pode se tornar um grande complicador...

A minha rotina alimentar, seguida à risca em 99% do tempo (deixo o outro 1% justamente para este período) tende a ficar tumultuada. 

O fato é que no dia a dia funciono assim: 
- Insulina
- Café da manhã
- Lanche da manhã (colação)
- Almoço
- Lanche da tarde
- Jantar
- Insulina
- Ceia

Neste período, meço a glicemia 3 vezes: em jejum, antes do almoço e antes do jantar. De tempos em tempos, meço também a glicemia pós-prandial, só para verificar se está tudo como deve ser (2h após as refeições a glicemia deve ser no máximo 140 mg/dl).

Nessa fase 'gulosa' da TPM, se eu chutar o balde (e isso não significa comer doces ou qualquer coisa com açúcar) e comer alguma coisa fora de hora - uma fruta a mais, um biscoito, seja ele salgado, diet, integral..., um picolé zero - vai alterar a glicemia certamente. 

Aí é que o problema está: se for registrada uma glicemia mais alta, preciso corrigir com a insulina de ação rápida, corro o risco de hipoglicemias... enfim, uma chatice!

Ainda bem que são poucos dias no mês! 
Quando é que vão inventar um botão de liga/desliga para 'domar' esse descontrole?


Mantra da semana: 
Chega de gulodices! Chega de gulodices!!


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Febre amarela: a gente - doce - pode se vacinar?

De um dia azul...

Do tipo que se importa...