De bike, com rodinha...

Depois que voltei de viagem, procurei logo retornar ao ritmo mais próximo do de rotina... Mas ainda assim, toda vez que chego de uma viagem (seja na ida ou na volta) leva um tempinho pra glicemia estabilizar.

Um dia fica baixo, um dia dentro do previsto e no outro mais altinho...

Sabe quando a gente está aprendendo a andar de bicicleta e tira uma das rodinhas? No começo a gente se desequilibra e se apóia na rodinha que ainda está ali... mas depois, com a confiança aumentando, esquece deste ponto de apoio e quando percebe está se andando sem ele!



É quase isso.

Nos primeiros dias sempre acontecem umas variações chatinhas. Por mais que os horários e a alimentação voltem ao normal, as valores medidos ficam um pouquinho além do devido.

Mas foco!! 
Por enquanto ainda não precisei mexer na última redução que consegui durante as férias...
Acho que já já tudo estará de volta ao eixo!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Febre amarela: a gente - doce - pode se vacinar?

De um dia azul...

Do tipo que se importa...