Aqui no IP estão expostos os meus medos, as minhas descobertas, as conquistas, os avanços nas buscas pela cura do diabetes pelo mundo, os passinhos para um melhor controle da glicemia.

O que começou como um espaço de aprendizado e de dividir a minha convivência com o DM1, se transformou em estímulo para um melhor controle da minha doçura e para seguir mostrando que se funciona para mim, pode funcionar também para tantas outras pessoas que tem o diabetes como companheiro.

14 junho, 2011

Identificação

Logo que descobri que estava com diabetes, minha super endócrino me deu várias apostilas esclarecedoras. Em uma delas, estava a sugestão ao paciente diabético de fazer um cartãozinho de identificação. O modelo é bem simples e além do texto informativo sobre a condição de diabético, deve constar um contato (nome e telefone) e o nome e telefone do seu médico:


O meu está sempre comigo! Na carteira, na bolsa, no bolso... fácil assim. É só deixar junto com seu documento e levar sempre que sair de casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário